03/07/2005 a 09/07/2005
 26/06/2005 a 02/07/2005



 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis



 Vote agora!


 
Visitante número:
 
Diário Digital




COMO O CHAT PODE SER USADO NA EDUCAÇÃO


Todo instrumento que possibilite a comunicação entre pessoas, seja ele de que tipo for, pode ser um veículo de educação, porém se levado em conta suas limitações e suas possibilidades. No caso específico dos chat´s, com todos os seus recursos: audio, vídeo, transmissão e recepção de dados como textos, gráficos, etc, por exemplo, essa possibilidade de servir como ferramenta de educação é incontestável. Certamente as limitações também existem, contudo não caracterizam, nem de longe, um obstáculo capaz de invalidar seu mérito de veículo condutor-facilitador de conhecimentos. Hoje já se pode estabelecer uma conferência entre pessoas: no caso específico alunos e professores-facilitadores, que estejam em qualquer um dos continentes, mesmo que estes não dominem os mesmos idiomas. Essa interatividade possui uma riqueza de variáveis de pensamento extraordinária, o que vem a ser preciosa no processo de ensino-aprendizagem.

Escrito por Taís às 09h37
[] [envie esta mensagem
]



AS PESSOAS E AS TECNOLOGIAS


O relacionamento de cada indivíduo com as tecnologias não deve ser analisada sem se considerar inicial e conjuntamente seu grau de escolaridade e sua situação social.Essas particularidades ajudam a entender a esclarecer possíveis dificuldades e/ou reações desses indivíduos diante das suas descobertas pessoais no campo das tecnologias existentes, disponíveis e a eles apresentadas. Outro ponto de fundamental abordagem são as necessidades de cada um com relação ao uso e emprego dessas tecnologias. Contudo, analisando de forma mais ampla, o relacionamento das pessoas com as tecnologias vêm possibilitando, não apenas avanços intelectuais, mas também a inclusão social, ao passo que traz consigo novas possibilidades de conhecimentos e descobertas. Contudo, se faz missel a presença efetiva de um facilitador para que essa interação se dê de maneira satisfatória e plena quanto ao aproveitamento.

Escrito por Taís às 10h47
[] [envie esta mensagem
]



INCLUSÃO DIGITAL


Muito se fala na Inclusão Digital feita hoje em escolas do ensino fundamental e ensino médio, porém, para que a inclusão digital tenha caráter de educação eficiente e verdadeira, em primeiro lugar deve-se desenvolver a capacidade crítica e interpretativa do alunado, bem como capacitar e reciclar os educadores-facilitadores-orientadores. A inserção da informática na educação não se basta na colocação de computadores nas escolas simplesmente. É necessário preparar todos os elementos envolvidos nessa nova realidade do conhecimento, para que essa ferramenta (o computador, no caso) venha a ser somado a uma gama enorme de outras possibilidades extra-classe, e não sirva de multiplicador de cópias e "conhecimentos" enlatados e em série.
Toda nova forma de buscar a informação e a educação é válida desde que não oprima qualquer uma das partes envolvidas no processo, seja ele um aluno, um facilitador-orientador, ou mesmo uma "técnica" antiga, ou vista como tal, de educação.

Escrito por Taís às 10h31
[] [envie esta mensagem
]



[ ver mensagens anteriores ]